Ikigai, o que é isso?











Podemos dizer que IKIGAI é uma filosofia de vida. O termo Ikigai é utilizado pelos nativos de Okinawa, um conjunto de ilhas do Japão, com o maior índice de longevidade.


Não existe uma tradução para o termo. Mas Ken Mogi, neurocientista japonês, autor do livro Ikigai: Os cinco passos para encontrar seu propósito de vida e ser mais feliz (Astral Cultural, 2018), define Ikigai.




"Ikigai é a sua razão de viver". "É o motivo que faz você acordar todos os dias."



Como no vídeo abaixo, o povo de Okinawa, atribui a sua longevidade ao 'ikigai', ou seja, se descobrir a razão pela qual se levanta pela manhã, a vida fica mais leve, a felicidade entra no seu cotidiano e as consequências são positivas.









Como nos disse Confúcio, devemos fazer o que amamos para que não nos sintamos trabalhando. Se fizermos isso, concluímos que nos sentiremos mais felizes! Mas, então porque tantas pessoas são infelizes na carreira?



A filosofia Ikigai foi estruturada sob quatro pilares e posso afirmar que, não é simples responder a este diagrama (atribuído por alguns autores a Marc Winn). Mas tenha certeza de que todas as respostas você carrega dentro de si mesmo.








Mandala Ikigai




Como identificar o 'ikigai'?


Tomei conhecimento do Ikigai enquanto procurava por um curso de Coach. Quando só então, aos meus 48 anos, tive a certeza do meu. Depois de passar por uma transformação, como já comentei em uma outra postagem (aqui), iniciei minha busca por uma vida com propósito. Confesso que tive de abandonar coisas e até pessoas (tóxicas), e isto resultou em acordar todos os dias com uma disposição que não tinha antes.  Claro que levou algum tempo, e isto é necessário para ser sustentável (manter-se). O perigo está em simplesmente abandonar tudo e sair pela vida achando que será um 'conto de fadas'!  É fundamental ter um bom nível de autoconhecimento, chegar até o mais profundo do seu SER, para encontrar o seu Ikigai e estruturar a sua nova vida. Segundo Mogi, você pode começar com coisas simples e depois partir para as maiores.


"Qualquer um pode partir do que está ao seu alcance e começar a sentir-se bem e a experimentar os benefícios que isso traz antes de, gradualmente, evoluir para objetivos maiores."

Como tudo na vida, o que vem rápido vai rápido. Então, descobrir o Ikigai é o passo mais importante. Depois fazer escolhas de forma estruturada, para só então promover a sua mudança de vida.


É importante frisar que não existe uma fórmula pronta para se encontrar o Ikigai. É um trabalho sistêmico e muito individual. 


"A beleza do ikigai é que é algo muito pessoal", diz Mogi. "Não é algo dado a você, de forma passiva. Você precisa explorar sua mente e cultivar seu ikigai."


Mas vai uma dica para que você comece a buscar o seu Ikigai: olhe para dentro de você, pois como já disse, o seu Ikigai está lá.



Se você perceber que está difícil encontrar o seu Ikigai, agende uma entrevista comigo para saber mais (é gratuita). Tenho certeza que juntos podemos desvendar o seu IKIGAI.










Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Seja um Collab do Organom Collab